terça-feira, 23 de julho de 2013

O Fantasma


Os dias e os meses passam, mas há coisas que permanecem constantes. 

Mesmo com o tempo, um fantasma rodeia-me, às vezes tenta-me assustar, outras vezes faz vacilar a fé, outras vezes deixa-me nervosa. O fantasma vem uma vez por outra rondando, testando-me.

Este fantasma que estou falando é aquele que aparece quando o braço doí, a mama doí, os ossos doem, quando temos de fazer um exame... tenta tirar-me os pés do chão, lembra-me em que como a vida pode mudar num segundo e como esse segundo mudou toda a minha vida. Lembra-me da fragilidade humana e de como não tenho controlo sobre a minha vida.

Será que o fantasma alguma vez se vai definitivamente embora? Acho que não. Contudo há dias em que ele não aparece.


O período
O período continua inconstante. De Fevereiro a Junho não apareceu. Voltou novamente em Junho e não sei se vem tão depressa novamente porque sinto que estou novamente com afrontamentos. As minhas hormonas parecem andar aos saltos, o que influencia também os humores e a paciência, e desde Março a Junho tive duas infeções urinárias (acho que isso está diretamente ligado a isso).
Quando o período está ausente os ossos das pernas também se ressentem mais. 


A mama e o braço direito
Ás vezes ambos doem. E se começam a doer durante mais dias então vem o fantasma. Começo a pensar de como me doeu quando descobri a doença, começo a pedir ao pessoal à volta para me apalpar a mama (só para eu tentar perceber quão grande é a paranoia). Sim, paranoia acho que é a palavra adequada ao estado que começo a ficar.
E então como nos livramos desse estado nervoso? Fazendo ecografia mamaria. Felizmente tinha uma marcada e saí de lá com o maior sorriso nos lábios quando a medica me disse "está tudo bem"

"Está tudo bem", são as palavras mais deliciosas do mundo. E assim por outros 4 meses tento manter o fantasma afastado. 


Deixo-vos uma foto de como estou agora. O cabelo já tá com um belo comprimento. Acho que foi só depois do herceptin parar é que começou a crescer mais.

5 comentários:

  1. Estás linda! :)
    E acho que esse fantasma de que falas, essa desconfiança e medo são perfeitamente normais. Uma pessoa não recupera de momentos desses assim de um dia para o outro. Ficamos marcadas fisicamente e psicologicamente. E, apesar de não ter tido nenhuma doença que se compare ao que tu tiveste, eu sinto isso em relação à depressão. Já passou, já foi, mas há momentos em que estou mais em baixo, por algum motivo e penso "basta eu andar um bocadinho mais para ali que lá vou eu por aí abaixo".
    A ameaça está lá. O medo também. É respirar fundo, ver o que podemos realmente fazer e seguir esse plano. Aquilo que não conseguimos controlar, "entregamos" e voltamos a respirar fundo...
    Beijo grande!

    ResponderEliminar
  2. Olá Claudia
    Infelizmente convivemos com este fantasma...para ser mais exata acho que dormimos com o inimigo, mas acordamos com Deus e permanecemos com ele nas duvidas nas dores e assim vamos.
    Grata por sua visita.
    Linda foto rs ta uma gata!
    Bjos
    Sol

    ResponderEliminar
  3. Descobri hoje o seu blog e já a adicionei para começar a seguir a sua história.
    Desejo-lhe muita saúde e sorte e vou torcer para que consiga utrapassar definitivamente este problema que a todos nós aflige :/
    Beijinho grande

    ResponderEliminar
  4. Parabéns pelo blog
    Jesus já levou sobre si na cruz do calvário todas as nossas doenças, acredite sem duvidar no coração.
    Nunca deixe de procurar os médicos nem de fazer os tratamentos indicados pelos médicos, Deus nos cura de diversas formas, usando os médicos ( foi Ele que os constitui na terra para nos ajudar), ou por cura milagrosa. Devemos declarar a palavra de Deus, pois ela não volta vazia. Recebamos a cura que Jesus já nos deu.
    "Ele é o que perdoa todas as tuas iniqüidades, que sara todas as tuas enfermidades. Salmos 103:3
    “Verdadeiramente ele tomou sobre si as nossas enfermidades, e as nossas dores levou sobre si; e nós o reputávamos por aflito, ferido de Deus, e oprimido.
    Mas ele foi ferido por causa das nossas transgressões, e moído por causa das nossas iniqüidades; o castigo que nos traz a paz estava sobre ele, e pelas suas pisaduras fomos sarados.” Isaías 53:4-5
    Jesus Te Ama

    ResponderEliminar